sábado, 16 de abril de 2022

Prefeitura de Maracaçumé realizou a distribuição de quase 10 toneladas de peixes durante a semana santa


A Prefeitura de Maracaçumé realizou na última quinta-feira (14) a distribuição de 8 toneladas de peixes, destinadas, principalmente, às famílias em situação de vulnerabilidade social.

A ação coordenada pela Secretaria de Assistência Social aconteceu em frente à escola Chames Ayoub e foi acompanhada pelo prefeito Tio Gal, vice-prefeita Tina Sales, primeira dama Dayane Lima, vereadores e secretários.

Para dar segurança a entrega dos peixes o corpo de bombeiro e a guarda civil municipal acompanhou todo processo para que tudo acontecesse de forma tranquila e sem grandes transtornos.



A distribuição do pescado garantiu uma mesa farta durante a semana santa e proporcionou que a tradição de comer peixe nesse período fosse mantido.

“Nosso governo prioriza o social e trabalhou para garantir que a grande maioria das famílias carentes fosse contemplados com o pescado”, disse o prefeito Tio Gal que fez questão de participar da inciativa ao lado da primeira dama Dayane Lima.

Já é a segunda ação voltada para o social este ano. Em fevereiro foi entregue mais de 2 mil cestas básicas com o dinheiro que seria usado no carnaval que foi cancelado por conta da covid-19.






sábado, 9 de abril de 2022

Educação de Maracaçumé realizou dia “D” de mobilização contra o Bullying e a violência na escola

Em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola a Secretária de Educação realizou uma semana de atividades voltadas ao tema nas escolas do município com o objetivo de sensibilizar os estudantes sobre essa problemática e tentar, através da informação, inibir à violência, tanto dentro, como fora da escola.

Bullying é uma prática sistemática e repetitiva de atos de violência física e psicológica, tais como intimidação, humilhação, xingamentos e agressão física, de uma pessoa ou grupo contra um indivíduo.

O projeto intitulado BULLYING NUNCA MAIS foi trabalhado de forma simultânea com professores e alunos. O resultado foi apresentado na última quinta-feira (07) com a culminância do projeto, o que resultou em muitas apresentações de diferentes maneiras.

A equipe da SEMED, formada pela Psicóloga Silvia Marques; coordenadora da educação inclusiva Jucy Menezes; Psicopedagoga, Elisangela; e Fornodiologa Leidiane percorreram todas as escolas e falaram sobre a importância do combate e prevenção contra o Bullying e a violência na escola.

A SEMED prestou total apoio ao projeto. O secretário Fladimir Flores parabenizou sua equipe pelo sucesso obtido: “Esse tema precisa ser debatido não somente em uma semana, mas durante todo o ano, pois é um problema diária que atinge muitos estudantes que sofrem agressões que às vezes deixam feridas para vida toda. É dever da escolar alertar e trabalhar para evitar que agressões aconteçam. Escola é um lugar de transformação através do conhecimento e não lugar de violência. Parabéns a todos os professores e alunos que abraçaram esse projeto tão exitoso” destacou.

















Postagens mais visitadas

Arquivo do blog