Faleceu o pastor Presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Maracaçumé. Ele estava internado em São Luís para tratar uma bactéria, mas infelizmente, houve uma infecção generalizada e veio a óbito neste sábado (19).

Pr. João, recentemente, havia vencido a Covid-19, mas, as sequelas da doença acabaram afetando outras áreas de sua saúde.

João começou o ministério no ano de 1988 como auxiliar de seu sogro o pastor Raimundo Travassos em Maracaçumé, logo depois foi promovido a pastor evangelistas e assumiu a Congregação de Governador Nunes Freire, depois o campo foi desmembrado e ele foi empossado como pastor presidente.

Em mais de 30 anos de ministério ele passou por importantes igrejas no Maranhão como Penalva, Maranhãozinho, Arari, Santa Helena, Vitória do Mearim e Maracaçumé.

Ele começou e terminou a carreira no evangelho em Maracaçumé. Além disso era um pastor de grande relevância na Convenção Estadual do Maranhão (CEADEMA) onde fazia parte do Conselho Consultivo: constituído por membros de notória reputação, vivência experiência nas Assembleias de Deus.

Em Maracaçumé ele é pastor titular desde 2014. Chegou na igreja com uma grande missão que era construir o novo templo. Missão que foi cumprida. A cidade tem um dos templos mais modernos e amplos de todo o Maranhão. Cartão postal da cidade. O templo não foi inaugurado, pois falta o piso, mas o legado foi deixado.

João Damasceno foi um pastor humano, amoroso, humilde e, acima de tudo, um grande homem de oração. Aquele que sempre estava disposto a contribuir com o crescimento da igreja e de seus membros. Sua casa sempre foi a casa de todos.

Ele parte para a glória e deixa esposa, filhos, netos e uma igreja inteira de luto em todo o Maranhão.