Nesta sexta-feira (19), aconteceu uma reunião com representantes da Secretaria Municipal de Educação, Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Saúde e Conselho Tutelar para formação da equipe do programa BUSCA ATIVA ESCOLAR.

O objetivo do programa é identificar os alunos em idade escolar que, por algum motivo, estão fora da escola. A equipe irá realiza ações para identificar e garantir esses direitos.

O secretário de educação, Fladimir Flores, participou do momento e disse que o programa é importante e pediu a união de todos: “Toda sociedade precisa ser sensibilizada de que nenhuma criança e adolescente pode estar fora da escola. A união de todos irá garantir o sucesso do programa em Maracaçumé.” Disse.

SOBRE O BUSCA ATIVA

A Busca Ativa Escolar é uma plataforma gratuita para ajudar os municípios a combater a exclusão escolar, desenvolvida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) em parceria com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas).

A intenção é apoiar os governos na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão. Por meio da Busca Ativa Escolar, municípios e estados terão dados concretos que possibilitarão planejar, desenvolver e implementar políticas públicas que contribuam para a inclusão escolar.

A Busca Ativa Escolar reúne representantes de diferentes áreas – Educação, Saúde, Assistência Social, Planejamento – dentro de uma mesma plataforma. Cada pessoa ou grupo tem um papel específico, que vai desde a identificação de uma criança ou adolescente fora da escola até a tomada das providências necessárias para a matrícula e a permanência do aluno na escola.