O número de casos e mortes do novo Coronavírus vem assustando o Brasil. O país passou a ser o novo epicentro da doença no mundo. Muito disso por causa de irresponsabilidade da população que continua fazendo aglomeração por todos os cantos.

Só para simplificar o que estamos falando, a prefeitura de Maracaçumé fez o isolamento da Prainha do Rio Maracaçumé para evitar a aglomeração aos finais de semanas. Mas, alguém, usando de má-fé, foi lá e cortou os arames que serviam de contenção. A prefitura já refez o isolamento.

As pessoas perderam a noção do perigo, além de colocar a vida em risco ainda tem a ousadia de realizar peripécias desse tipo. Mas vale destacar que essas atitudes não refletem o posicionamento da maioria das pessoas. A grande massa é sensata e deseja o fim dessa pandemia.

E já está provado que apenas com distanciamento social podemos conter o vírus. Outra saída é a vacina, mas ela está chegando aos poucos. Enquanto isso é tomar cuidado e não contar com a sorte. Porque morrer e viver em meio a essa pandemia é uma questão de sorte. Porque ninguém sabe como cada organismo irá reagir em contato com a doença.

Deus tenha misericórdia de todos nós!

 

Esse texto é optativo. Gostou? Então curta e compartilhe!