Que ano diferente. Que dia das mães atípico. Estamos vivendo um novo momento no mundo e, por isso, não realizamos a linda festa das mães que fazemos todos os anos. Fico muito triste por não celebrar, juntos com essas heroínas, uma festa tão linda.

Quero aproveitar e desejar um FELIZ DIAS DAS MÃES a todas as mães de minha cidade especialmente minha mãe Gizelda e minha esposa Katiuscia. Vocês são a força de cada família e alicerce que sustenta cada lar. Meu desejo era fazer aquela bela festa de apresentações e entrega de presentes, mas o momento agora é apenas de palavras e demonstrações de amor de forma remota.

Deixo meu carinho, amor e desejo que tudo volte ao normal o mais rápido possível para que os abraços e beijos retorno ao nosso cotidiano.

FELIZ DIA DAS MÃES, JUNCO DO MARANHÃO!