Por meio de uma videoconferência, na manhã desta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro se reuniu com os governadores dos estados para trata do enfrentamento da crise provocada pela Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Um clima de harmonia marcou a reunião do presidente com os governadores, mesmo após os atritos visto nos últimos dias. Ao lado de Bolsonaro, no Palácio do Planalto, estavam os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Ainda na reunião, Bolsonaro disse que deve sancionar, ainda nesta quinta-feira (21), o projeto de auxílio financeiro a estados e municípios. Em sua fala, o presidente pediu consenso em torno da manutenção dos vetos dele ao projeto de auxílio financeiro aos estados.

Flávio Dino (PCdoB)

Logo após o fim da videoconferência, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), avaliou, em uma rede social, como positiva a reunião entra o presidente Bolsonaro com os governadores. Entretanto, Dino lamentou o fato de não ainda não saber o que será vetado no projeto de auxílio financeiro.

Flávio Dino também criticou a questão da pauta econômica e social não ter sido abordada na reunião, mas disse esperar que o “diálogo institucional se mantenha como regra, e não exceção.”