Um grupo de advogados prepara-se para denunciar ao Ministério Público do Maranhão (MPMA) o aluno da Universidade Federal do Maranhão (Ufma) que postou declarações de cunho homofóbico em suas redes sociais.
Ao comemorar a vitória de Jair Bolsonaro (PSL) na eleição para presidente do Brasil, o estudante Marcos Silveira, estudante do curso de Engenharia Química da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), disse estar liberada a “caça aos viadinhos”.
“Atenção, geral! Tá liberada a caça legal aos viadinhos! Não vale atirar na cabeça,
tá ok? 1 caixa de Budweiser pra cada viadinho no chão”, escreveu ele numa primeira postagem.
Em nota a Ufma já informou que “promoverá a apuração rigorosa dos fatos, considerando a gravidade das declarações”.