Um drama tem afetado os moradores da cidade de Maracaçumé: a falta de água. O sofrimento é grande e tem atingido todos os bairros da cidade, principalmente o bairro da Mangueira. É comum olhar pessoas carregando baldes na cabeça em busca de água bem distante de casa.

O período é dramático porque a estiagem do verão seca os poços e o tragédia fica cada vez pior, porque a população tem que fazer uma verdadeira peregrinação.

Isso tudo é culpa de uma gestão sem planejamento. A população de Maracaçumé, nos últimos anos, dobrou, porém não houve investimento no setor e poços novos não foram cavados.

Enquanto a população sofre com esse drama, a prefeitura prepara uma festa em comemoração aos 23 anos da cidade. Além disso, os funcionários contratados tem seus proventos parcelados.

Será que a população não merecia ser tratada com dignidade? Uma festa dura apenas uma noite, mas os dramas das famílias sem água e salários dura muito mais que isso.


Não sei se temos motivos pra comemorar esses 23 anos!