Um juiz do Tribunal de Justiça do Piauí determinou que a operadora Vivo suspenda o WhatsApp em todo o Brasil por até 24 horas até que a empresa de tecnologia cumpra uma ordem judicial anterior. O juiz Luiz Moura Courreia, da Central de Inquérito da Comarca de Teresina, não informa o motivo da suspensão já que a ação anterior que envolve o WhatsApp corre em segredo de Justiça.

Parte da decisão judicial diz: “Suspensa temporariamente até o cumprimento da ordem judicial, em todo território nacional, em caráter de urgência no prazo de 24 horas após o recebimento, o acesso através dos serviços da empresa aos domínios whatsapp.net whatsapp.com, bem como todos os seus subdomínios e todos os outros domínios que contenham whatsapp.net ewhatsapp.com em seus nomes e ainda todos números de IP (Internet Protocol) vinculados aos domínios já acima citados”.
Comunicada da decisão no último dia 19, a Vivo entrou com recurso para não ter de cumpri-la.

Fonte: ESTADÃO