Andei observando, dias atrás, uma pesquisa realizada em um determinado blog sobre quem tem possibilidade de ganhar a eleição municipal em 2016 em Maracaçumé.
Os nomes em alta são esses: Tio Gal, Andrea Palmeira, Charliane Mendes e Chico Velho. Corre por longe outros nomes que não citarei.
Dentre todos esses nomes não podemos afirmar absolutamente nada de quem será o novo prefeito, porque na política o improvável sempre acontece!
Em nossa cidade a política é movida ao dinheiro, ou seja, quem tiver mais terá mais chances de comandar a cidade. É uma tristeza essa realidade, mas a verdade tem que se dita e escrita.
Eu sei que é muito cedo fazer essa avaliação, mas é que o povo respira política. Nas redes sociais é o que mais se comenta e, também, acreditem, é o que vira polêmica e os internautas se deleitam em discussões acaloradas que rendem muitas ofensas e rancores.
Voltando a pesquisa do começo do texto não podemos dar muito credito porque, como todos sabem, poucos dentro da sociedade têm acesso à internet, ou seja, essa pesquisa não tem validade nenhuma, mas, mostra que, entre os internautas, o prefeito sofre uma leve rejeição. Isso vai mostrar que no mundo real pode repetir a dosagem de rejeição. Isso é hipótese, mas vai que a realidade seja essa!
A situação prega aos quatro ventos sua fantástica gestão na administração. “É Algo nunca visto nesta cidade” alguns fanáticos costumam apregoar em momentos de euforia.

A verdade é que Maracaçumé não reelege prefeito. Se a tradição continuar e o povo segurar o batente vamos seguir com essa marca linda. Vamos continuar gritando alto como o personagem coxinho do seriado nas garras da patrulha: NÃO PROCEDEU? A TESOURA COMEU!